Total de visualizações de página

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Paulo Leite


Paulo Leite começou sua carreira artística aos 15 anos de idade, cantando com a dupla Cacique e Pajé. Seu primeiro show foi na Cidade de Limeira (150 Km a Noroeste de São Paulo ). Desde então, sua vida mudou. Não parou mais de se apresentar em cidades interioranas dos Estados da região Centro-Oeste do Brasil e na Capital Paulista. Em 1986, Paulo Leite foi convidado pelo sanfoneiro Zé do Fole para ser o vocalista do conjunto Os Maracanãs, onde permaneceu por quatro anos, percorrendo diversas cidades do interior de SP, MG e MS. Em 1991 o grande sonho de Paulo Leite se realiza, grava seu 1º disco pela gravadora Tocantins onde regrava a música O Canto da Araponga, que passa a ser executada em inúmeras emissoras de rádio e de televisão. É contratado pela COSESP - Companhia de Seguros do Estado de São Paulo - para divulgá-la em shows pelo Estado de São Paulo, viajando por três anos realizando shows em inúmeras cidades. Em 1994 grava seu 2º disco com belíssimas músicas, entretanto, o sonho logo se acaba, a gravadora engana dezenas de artistas, entre eles Paulo Leite, deixando de lançar este que definitivamente era o seu mais bonito trabalho. Já com quase10 anos de carreira e frustrado pelo golpe sofrido, vendo os sonhos cada vez mais distantes, abandona a carreira passando a se dedicar à advocacia, profissão esta que o acompanha até hoje. Mas o gosto pela música continuou presente em todos esses anos. A saudade da estrada, dos amigos, das cantorias, aumentava a cada dia. Como todo bom filho a casa volta, Paulo Leite retorna com um novo trabalho, bem produzido, tendo como música de trabalho "Minha Sogra Vai Chegar" composição de Muniz Teixeira e Carrerito que já começa a ser executada em muitas cidades.

domingo, 15 de novembro de 2015


HUMBERTO & RONALDO

Raffael Machado


Raffael Machado nasceu em 27 de outubro de 1987, na cidade de Goiânia - Goiás, passou toda sua infância e adolescência na cidade de Jaraguá, no interior, onde desde pequeno se interessou pela boa música. Depois de formar dupla com seu Tio Valdemir, resolveu partir para a carreira solo e no dia 29/09/2012 gravou o seu primeiro DVD. Para os amantes da boa música sertaneja, Raffael Machado promete continuar dedicando-se às composições, arranjos e produções para presentear seu público com ótimas canções e interpretações que aquecem os corações e acalmam a alma, e, quando precisar, o intento será levantar poeira e sacudir as estruturas, provocando os corpos para dançar, bailar e cantar, porque tristeza é pra deixar de lado!

Fabio Lopes & Rodrigo


Dois brasileiros, dois rapazes que batalham ferozmente pela vida diariamente assim como milhões de pessoas neste imenso país. Duas vozes que se encontraram no caminho da música após muitos percalços e que cantam a felicidade como se a tivessem vivido plenamente ao longo dos seus pouco mais de 30 anos. Dois homens apaixonados pela música sertaneja que sempre embalou o dia-a-dia de milhares de família. A dupla Fabio Lopes & Rodrigo é o produto, a síntese de muitos lares brasileiros. Filho de nordestinos, Fabio, 31 anos, nasceu em São Paulo, mas foi parar no interior do estado por causa da música. Com 7 anos, ele já afinava o violão e logo começou a tocar, mas muito antes disso, ainda na barriga de sua mãe, já havia recebido sua sentença. O pai de Fabio comprou um violão e tentava aprender algumas notas a duras penas quando o cantor ainda estava na barriga de sua mãe. Ele ouviu da mulher que "depois de velho seria difícil aprender a tocar o instrumento". Sua resposta foi certeira: "Eu não, mas esse moleque que está na sua barriga vai tocar violão e cantará para mim até eu ficar velhinho". A profecia se cumpriu. Fabio não toca para seu velho como para quem estiver disposto a ouvi-lo. Fabio é multi-instrumentista e canta profissionalmente desde os 16 anos. De lá para cá, formou várias duplas, porém só encontrou o que parece ser parceiro de sua vida há quatro anos. Os dois foram apresentados por um amigo em comum que enxergou nos rapazes a força, o talento e a vontade de sair cantando pelo país afora. Eis que entra em cena Rodrigo, 35 anos. Natural de Novo Horizonte, ele disse que não virou cantor, mas sim nasceu cantando. Aprendeu a soltar sua linda voz ouvindo e vendo o pai, os parentes e seus amigos na modas de viola. Seu pai, aliás, tinha dupla e saía cantarolando pela cidade em dias de Folia de Reis. Apesar da alegria da música, a vida não foi fácil para Rodrigo e sua família. Ele e o irmão quase perderam a mãe por causa de uma trágica doença. O pai teve de se virar com a criação dos filhos e com trabalho na roça com muita dificuldade, mas venceu. Aliás, venceram. Parece que todas adversidades que sua família enfrentou ajudou a aprimorar ainda mais o talento do menino cantor. No dia que em se encontraram, Fabio e Rodrigo não tiveram tempo nem de falar das desventuras da vida, já foram montando um repertório de show de três horas. Em poucos dias, já estavam se apresentando nas casas e arredores de São Carlos. Vão da moda de viola ao sertanejo universitário sem sofrer. Entre shows e ensaios da vida, surgiu a música "Poderosa". A canção já nasceu um sucesso. Assim como a dupla. Depois dela, vieram outras músicas. Todas registradas no CD "Meu Controle". Aliás, o título até parece brincadeira, pois quando esse duo começa a tocar, o público fica rapidamente incontrolável. É, a dupla Fábio Lopes & Rodrigo veio, sim, para arrebentar!

Índia Rosa Morena


Índia Rosa Morena deixou a tribo onde vivia aos 9 anos para viver em Goiânia (GO) e, desde cedo, alimentava a esperança de se tornar um ídolo. DURANTE APRESENTAÇÕES NO PROGRAMA ÍDOLOS DA REDE RECORD ARRANCOU ALTOS ELOGIOS DA FAFA DE BELÉM E DO SUPLA E MARCO CAMARGO E em 2015 participou do Maquina da fama SBT dando maior show

terça-feira, 3 de novembro de 2015



Gilberto & Gilmar


Gilberto e Gilmar nasceram na cidade de Rinópolis, região de Tupã, interior de São Paulo. Ainda crianças, mudaram com a família para a capital paulista. Na época Gilberto tinha nove anos e Gilmar oito.A paixão pela música motivou esses irmãos a formarem a dupla na infância; ganhando o incentivo do pai Sr. Joaquim Gomes de Almeida.A primeira apresentação em público de Gilberto & Gilmar foi em concurso de violeiros promovido pela Rádio Oswaldo Cruz, no interior do Estado. Morando na capital paulista, conseguiram o primeiro lugar em um concurso promovido pela Rádio Clube de Santo André. Iniciou a carreira participando como calouros do programa de Silvio Santos, em 1969, na antiga emissora paulista TV Paulista, hoje Rede Globo. No ano seguinte foram convidados pela dupla Tonico & Tinoco para fazer parte do disco 26 anos de Glória. Nesse disco, Gilberto & Gilmar gravaram duas músicas e também fizeram o papel de Tonico & Tinoco quando eram crianças. Na época, faziam apresentações em circo cantando e dramas, ou seja, teatro mambembe. Em 1981, Gilberto que fazia a 2° voz passou a fazer 1° voz da dupla, e assim, logo gravaram o disco Assino com X, que foi sucesso em todo o Brasil, onde a dupla recebeu o primeiro disco de ouro. Hoje, entre discos e CDs, a dupla Gilberto & Gilmar tem trinta lançamentos, ao longo da carreira receberam quatro discos de platina e cinco de ouro. Recentemente, foi lançado o DVD, que foi gravado em um circo, onde tudo começou, sendo um dos mais vendidos do sertanejo. Foram contratados pelo SBT para apresentar um programa aos domingos que ia ao ar das 10H: 30 às 11h00min ficando com ibope, sempre em vice liderança. Participaram com freqüência do programa Perdidos na Noite na BAND apresentado pelo Faustão, depois na Rede Globo no Programa Domingão do Faustão na Xuxa, no Gugu, Programas de grande importância para Televisão Brasileira contaram com a Presença de Gilberto e Gilmar Por ter uma carreira cheia de sucesso que a dupla Gilberto & Gilmar foi, e é, uma das duplas mais importantes para a música sertaneja, fazendo parte da inovação e evolução deste gênero. Hoje a dupla viaja com sua equipe e banda Capa de Revista, fazendo shows pelo país. Entre os maiores sucessos de Gilberto & Gilmar estão: Assino com X; Música da Saudade; Só mais uma vez; Maria tchá tchá tchá, Nóis não vive sem muié; Quebrando Tudo, Capa de Revista e diversas outras músicas de seu repertório. Hoje a Dupla conta com uma Equipe de 18 pessoas, com Ônibus Próprio, fazendo assim uma média de 15 Shows Mês sempre contando com um publico estimado de 10 a 15 Mil pessoas. Gilberto & Gilmar são uma dupla de cantores de música sertaneja do Brasil que segue ao longo de todos esses anos viajando Por todo Brasil e até mesmo ao exterior, levando um show diversificado, para todas as idades e classes sociais.
BASE: Paradão Sertanejo 
RADIO CLUBE TROPICAL